Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/3174
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorAlves, Jean Carlos Machadopt_BR
dc.contributor.authorFreitas, Naiara Gonçalves de-
dc.date.accessioned2021-06-03T21:00:02Z-
dc.date.available2021-06-03T21:00:02Z-
dc.date.issued2021pt_BR
dc.identifier.citationFREITAS, Naiara Gonçalves de. Modelo de ciclo de vida para empreendimentos sociais: um estudo a partir das experiências da Associação Maria Efigênia (AME) em João Monlevade/MG. 2021. 65 f. Monografia (Graduação em Engenharia de Produção) - Instituto de Ciências Exatas Aplicadas, Universidade Federal de Ouro Preto, João Monlevade, 2021.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/3174-
dc.description.abstractAs organizações oriundas do terceiro setor ganham cada vez mais importância no cenário mundial devido ao seu papel em cobrir os hiatos deixados pelo estado, principalmente no que tange o desenvolvimento de atividades voltadas para as minorias. Nesse sentido, uma das principais formas de manifestação do terceiro setor ocorre a partir dos chamados empreendimentos sociais, que através de seus empreendedores sociais, são fundamentais na luta contra os mais diversos desequilíbrios sociais. Logo, por sua grande relevância social, desenvolver mecanismos que fortaleçam essas entidades em seu campo de atuação, faz-se necessário tendo em vista as características específicas que as diferem das organizações do primeiro e segundo setor. Dessa forma, o presente estudo tem como objetivo identificar, sob a perspectiva da sustentabilidade, um modelo de ciclo de vida para empreendimentos sociais, a partir das experiências da Associação Maria Efigênia (AME). Como metodologia de pesquisa, a abordagem do estudo em questão pode ser classificada em qualitativa, onde o método adotado foi o de estudo de caso. Em relação ao processo de coleta de dados, essa etapa foi realizada por meio de entrevistas, observação participante juntamente a uma revisão da literatura acerca dos assuntos que compõem a temática abordada. Quanto à análise dos dados foi utilizada da técnica de análise de conteúdo e a reflexão do conhecimento teórico e prático gerados a partir dos dados coletados a fim de se obter o resultado do estudo em questão. Como resultado principal do trabalho, houve a elaboração do modelo de ciclo de vida para empreendimentos sociais, que permitiu definir quatro estágios, nos quais o empreendimento social precisa percorrer como forma de se fortalecer, ampliar o seu campo de atuação e trabalhar a sustentabilidade em sua pluralidade e não apenas sob a ótica da sustentabilidade financeira. Assim, interpretar esses estágios dentro da conjuntura da teoria do ciclo de vida pode ser um caminho para fortalecer os empreendimentos sociais através de ações e estratégias que visem trabalhar da melhor forma com os desafios e potencialidades característicos desse estágio, a fim de proporcionar ao empreendimento sua sobrevivência sustentável e ampliação de suas atividades na busca por transformação social.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectAssistência socialpt_BR
dc.subjectAssociações sem fins lucrativospt_BR
dc.subjectEmpreendedorismo - ação socialpt_BR
dc.subjectSustentabilidadept_BR
dc.titleModelo de ciclo de vida para empreendimentos sociais : um estudo a partir das experiências da Associação Maria Efigênia (AME) em João Monlevade/MG.pt_BR
dc.typeTCC-Graduaçãopt_BR
dc.contributor.refereeAlves, Jean Carlos Machadopt_BR
dc.contributor.refereeOliveira, Rita de Cássiapt_BR
dc.contributor.refereeSoares, Aline Mara Alvespt_BR
dc.description.abstractenOrganizations from the third sector are gaining more and more importance on the world stage due to their role in covering the gaps left by the state, especially with regard to the development of activities aimed at minorities. In this sense, one of the main forms of manifestation of the third sector occurs from the so-called social enterprises, which through their social entrepreneurs, are fundamental in the fight against the most diverse social imbalances. Therefore, due to its great social relevance, to develop mechanisms that strengthen these entities in their field of action, it is necessary in view of the specific characteristics that differ from organizations in the first and second sectors. Thus, the present study aims to identify, from the perspective of sustainability, a life cycle model for social enterprises, based on the experiences of the Maria Efigênia Association (AME). As a research methodology, the approach of the study in question can be classified as qualitative, where the method adopted was the case study. In relation to the data collection process, this step was carried out through interviews, participant observation along with a literature review about the subjects that make up the theme addressed. As for data analysis, it was used the content analysis technique and the reflection of theoretical and practical knowledge generated from the data collected in order to obtain the result of the study in question. As a main result of the work, there was the elaboration of the life cycle model for social enterprises, which allowed the definition of four stages, in which the social enterprise needs to go through as a way of strengthening itself, expanding its field of action and working on sustainability in its plurality and not only from the perspective of financial sustainability. Thus, interpreting these stages within the context of the life cycle theory can be a way to strengthen social enterprises through actions and strategies that aim to work in the best way with the challenges and potentialities characteristic of this stage, in order to provide the enterprise with its sustainable survival and expansion of its activities in the search for social transformation.pt_BR
dc.contributor.authorID18.1.8143pt_BR
Appears in Collections:Engenharia de Produção - JMV

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MONOGRAFIA_ModeloCicloVida.pdf1,18 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons