Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/2129
Title: Palimpsesto de memórias : lugar e cotidiano em Aqui (do acontecimento mais ínfimo ao instante grandioso da vida).
Authors: Bonifácio, Miriã Cristina de Souza
metadata.dc.contributor.advisor: Rodrigues, Hila Bernadete Silva
metadata.dc.contributor.referee: Coração, Cláudio Rodrigues
Tavares, Frederico de Mello Brandão
Rodrigues, Hila Bernadete Silva
Keywords: Novelas gráficas
Richard McGuire
Histórias em quadrinhos
Issue Date: 2019
Citation: BONIFÁCIO, Miriã Cristina de Souza. Palimpsesto de memórias: lugar e cotidiano em Aqui (do acontecimento mais ínfimo ao instante grandioso da vida). 2019. 81 f. Monografia (Graduação em Jornalismo) - Instituto de Ciências Sociais Aplicadas, Universidade Federal de Ouro Preto, Mariana, 2019.
Abstract: O presente trabalho tem como objetivo perceber alguns aspectos ligados à ideia de lugar e de cotidiano na novela gráfica Aqui, do desenhista americano Richard McGuire. A obra, lançada no Brasil em 2017, pelo selo Quadrinhos na Cia., é uma espécie de alargamento de um projeto experimental, no formato de tirinhas, publicado pelo autor em 1989. Ambas as produções gráficas são consideradas pela crítica especializada em HQs e Cultura como inusitadas por revelarem uma narrativa temporalmente não linear e fragmentada, com a sobreposição de quadros e a leitura simultânea dos acontecimentos. Aqui (2017), conta ao longo de 304 páginas a história de um lugar e de personagens que o habitam durante séculos. O livro também apresenta um caráter autobiográfico, já que para a sua elaboração, que demorou quinze anos para ser concluída, foram admitidas algumas inspirações pessoais, tais como a construção do cenário ser baseada na casa onde o autor nasceu e cresceu e os traços da ilustração terem semelhanças com os registros fílmicos e fotográficos da família dele. Sendo assim, movidas pelo poder evocativo/emocionante dessa produção, buscamos, primeiro, empreender uma postura de olhar para o espaço da narrativa, associando-o aos sentidos que definem um lugar. E, segundo, procuramos compreender alguns temas que aparecem nessa obra, como a efemeridade, o tédio, e a nostalgia/melancolia, entendendo-os como partes da ideia de uma vida de todos os dias. Para subsidiar essa última discussão, tomamos como referência o trabalho do professor e pesquisador Denilson Lopes, que entre outras coisas, utiliza a concepção de gestos de delicadeza e poética do cotidiano para construir impressões sobre obras contemporâneas que elaboram uma opção pela narração de experiências mínimas, cotidianas, não gloriosas.
metadata.dc.description.abstracten: The present work aims to perceive some aspects related to the idea of place and daily life in the graphic novel Here, by the american designer Richard McGuire. The publication, launched in Brazil in 2017, by the label Quadrinhos na Cia., is a kind of extension of an experimental project, in comics strip format, published by the author in 1989. Both graphic productions are considered by the critic specialized in comics and culture as unusual for revealing a temporally non-linear and fragmented narrative, with the overlapping of pictures and the simultaneous reading of events. Here (2017), tells the story of a place and characters that inhabited it for centuries. The book also presents an autobiographical character, since for its elaboration, which took fifteen years to complete, some personal inspirations were admitted, such as the construction of the scene being based on the house where the author was born and grew up, and the traces of the illustration be similar to the film and photographic records of his family. Thus, driven by the evocative/touching power of this publication, we seek, first, to undertake a posture of looking at the narrative space, associating it with the senses that define a place. And second, we try to understand some of the themes that appear in this book, such as ephemerality, boredom, and nostalgia/ melancholy, understanding them as part of the idea of everyday life. In order to subsidize this last discussion, we take as reference the theories of professor and researcher Denilson Lopes, who among other things uses the concept of gestures of delicacy and poetics of daily life to build impressions on contemporary productions that hat elaborate an option for narration of minimal, everyday, non-glorious experiences.
URI: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/2129
Appears in Collections:Jornalismo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MONOGRAFIA_PalimpsetosMemóriaLugar.pdf7,69 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons