Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/2116
Title: Formação da taxa de câmbio futuro : uma análise empírica da microestrutura sob a ótica da especulação.
Authors: Azevedo, Paulo Ricardo Mendes de
metadata.dc.contributor.advisor: Barros, Thiago de Sousa
metadata.dc.contributor.referee: Torres, Carlos Eduardo da Gama
Matos, Getúlio Alves de Souza
Barros, Thiago de Sousa
Keywords: Microestrutura
Derivativos
Fluxo de Ordens
Finanças
Econometria
Issue Date: 20-Dec-2018
Citation: AZEVEDO, Paulo Ricardo Mendes de. Formação da taxa de câmbio futuro: uma análise empírica da microestrutura sob a ótica da especulação. 2018. 39 f. Monografia (Graduação em Ciências Econômicas) - Instituto de Ciências Sociais Aplicadas, Universidade Federal de Ouro Preto, Mariana, 2018.
Abstract: Este trabalho propõe estudar alguns fatores que levam à formação da cotação diária da taxa de câmbio futuro entre o Real brasileiro e o Dólar americano. Para ter clareza sobre os aspectos de negociação dos contratos futuros, é feito um levantamento acerca dos mercados de derivativos, seguimento onde os contratos futuros são enquadrados. Os fatores de microestrutura de mercado, tal como o fluxo de ordens e informação são elencados. Também são levantadas algumas características dos participantes e da taxa de câmbio. Devido às peculiaridades da economia brasileira, foi utilizado um indicador que mensura a diferença entre os retornos dos títulos da dívida externa entre economias emergentes e títulos semelhantes do Tesouro norte americano, o EMBI+ também mais conhecido como “Risco-Brasil”. O modelo adotado para a análise empírica é uma adaptação do modelo híbrido de Evans & Lyons (2002). Os resultados apontam para uma relação estatisticamente significativa tanto dos diferenciais das taxas de juros quanto do indicador EMBI+, e não significativa do fluxo de ordens
metadata.dc.description.abstracten: This study provides information on factors that determins the daily exchange rates between the Brazilian Real and the US Dollar. In order to be clear about the negotiation aspects of futures contracts, it was pointed out aspects of the derivatives markets, a follow-up where futures contracts are framed. Market microstructure factors, such as order flow and information, are listed. Some characteristics of the participants and the exchange rate are also raised. Due to the peculiarities of the Brazilian economy, an indicator was used to measures the difference between the returns of the external debt securities between emerging economies and similar securities of the North American Treasury, the EMBI + also known as "BrazilRisk". The model adopted for the empirical analysis is an adaptation of the hybrid model of Evans & Lyons (2002). As a result, a statistically significant relationship between the interest rate differentials and the EMBI + indicator was found, but not between order flow.
URI: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/2116
Appears in Collections:Ciências Econômicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MONOGRAFIA_TaxaCâmbioFuturo1,1 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.