Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/1849
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorVital, Wendel Courapt_BR
dc.contributor.advisorRezende Netto, Patrícia Ribeiropt_BR
dc.contributor.authorAlves, Júlia Vasconcelos de Sá-
dc.date.accessioned2019-07-18T10:23:53Z-
dc.date.available2019-07-18T10:23:53Z-
dc.date.issued2019-
dc.identifier.citationALVES, Júlia Vasconcelos de Sá . Prevalência e fatores associados à ansiedade em estudantes dos cursos da área de saúde da UFOP. 2019. 52 f. Monografia (Graduação em Farmácia) - Escola de Farmácia, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2019.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/1849-
dc.description.abstractA ansiedade é um sentimento vago e desagradável, de medo, apreensão, o que caracteriza certa tensão de algo que não se sabe, uma antecipação de perigo, de algo desconhecido e/ou estranho, devido a uma inquietação que pode se transformar em manifestações fisiológicas e cognitivas. A prevalência de ansiedade em acadêmicos é maior quando comparada a população em geral, visto que são expostos ao estresse, elevada carga horária de estudos, noites insones, dentre outros fatores que comprometem o desempenho do aluno, favorecem a evasão e podem contribuir para um início de um processo de transtorno de ansiedade. O objetivo do presente estudo foi investigar a prevalência e os fatores associados à ansiedade nos discentes dos cursos de saúde, regularmente matriculados na Universidade Federal de Ouro Preto. Para isso, foi realizado um estudo transversal aplicando um questionário que avaliou questões sociodemográficas, acadêmicas, familiares e comportamentais além do inventário de ansiedade de Beck – BAI, no período de março a junho de 2019. O inventário de ansiedade de Beck e o questionário foram enviados por e-mail em um formulário do Google e 493 discentes os responderam. Foi observado que a maior parte da população de estudo foi formada por pessoas do sexo feminino (65,7%) e bem como uma alta prevalência de pensamentos suicidas entre os alunos entrevistados (45,6%). Foi observado que 15,2% dos estudantes possuem uma ansiedade mínima, 27,0%, uma ansiedade leve, 29,8% uma ansiedade moderada e 28% uma ansiedade grave. Por meio da análise multivariada de Poisson, com variância robusta, foram investigados os fatores associados à ansiedade. Foi observado que a violência na infância, satisfação com o curso, estar em semana de provas, convivência com o pai, pais falecidos, tratamentos psiquiátricos e pensamentos suicidas são fatores associados à ansiedade nos diferentes graus. As informações obtidas no presente estudo poderão contribuir no conhecimento de como estão emocionalmente os alunos dos cursos da área da saúde da UFOP e os fatores que influenciam em sua saúde mental. Assim, acreditamos que tornar a Universidade um ambiente mais acolhedor para o discente e ações de apoio para que as pessoas possam interagir, além de trocar experiências, são de grande importância, além do fortalecimento das equipes de saúde já presentes na Universidade.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsopen accesspt_BR
dc.rights.uriAn error occurred getting the license - uri.*
dc.subjectTranstornos da ansiedadept_BR
dc.subjectEstudantes universitáriospt_BR
dc.titlePrevalência e fatores associados à ansiedade em estudantes dos cursos da área de saúde da UFOP.pt_BR
dc.typeTCC-Graduaçãopt_BR
dc.contributor.refereeNascimento, Renata Cristina Rezende Macedo dopt_BR
dc.contributor.refereePaula, Waléria dept_BR
dc.contributor.refereeRezende Netto, Patrícia Ribeiropt_BR
dc.contributor.refereeVital, Wendel Courapt_BR
dc.description.abstractenAnxiety is a vague and unpleasant feeling, of fear, apprehension, which characterizes a certain tension of something that is not known, an anticipation of danger, something unknown and / or strange, due to a restlessness that can turn into physiological manifestations and cognitive. The prevalence of anxiety in academics is greater when compared to the general population, since they are exposed to stress, high hours of study, sleepless nights, among other factors that compromise student performance, favor avoidance and may contribute to a beginning of an anxiety disorder process. The objective of the present study was to investigate the prevalence and factors associated with anxiety in students enrolled in the health courses, enrolled at the Federal University of Ouro Preto. For this, a cross - sectional study was carried out applying a questionnaire that evaluated sociodemographic, academic, family and behavioral issues in addition to the Beck - BAI anxiety inventory, from March to June 2019. Beck 's inventory of anxiety and the questionnaire were sent by email in a Google form and 493 students answered them. It was observed that the majority of the study population consisted of female subjects (65.7%) and a high prevalence of suicidal thoughts among the interviewed students (45.6%). It was observed that 15.2% of students have minimal anxiety, 27.0%, mild anxiety, 29.8% moderate anxiety and 28% severe anxiety. Through multivariate Poisson analysis, with robust variance, the factors associated with anxiety were investigated. It was observed that violence in childhood, satisfaction with the course, being in a test week, coexistence with the father, parents deceased, psychiatric treatments and suicidal thoughts are factors associated with anxiety in different degrees. The information obtained in the present study could contribute to the knowledge of how the students of the UFOP health courses are emotionally affected and the factors that influence their mental health. Thus, we believe that making the University a more welcoming environment for the student and supporting actions so that people can interact, as well as exchange experiences, are of great importance, in addition to strengthening the health teams already present at the University.pt_BR
Appears in Collections:Farmácia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MONOGRAFIA_PrevalênciaFatoresAssociados.pdf631,48 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.