Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/1319
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCeribeli, Harrison Bachionpt_BR
dc.contributor.authorBarbosa, Rafaela Máximo-
dc.date.accessioned2018-09-14T14:17:33Z-
dc.date.available2018-09-14T14:17:33Z-
dc.date.issued2018-
dc.identifier.citationBARBOSA, Rafaela Máximo. Análise da relação entre o suporte organizacional percebido, a exaustão emocional e o comprometimento dos trabalhadores. 2018. 28 f. Monografia (Graduação em Administração) - Instituto de Ciências Sociais Aplicadas, Universidade Federal de Ouro Preto, Mariana, 2018.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/1319-
dc.description.abstractEsta pesquisa teve como objetivo analisar a influência que o suporte organizacional percebido exerce sobre o nível de exaustão emocional e o comprometimento organizacional dos trabalhadores. Realizou-se um levantamento de campo nas cidades de Mariana e Ouro Preto, Estado de Minas Gerais, Brasil. Para a análise de dados, foi utilizada a técnica de Modelagem de Equações Estruturais. Os resultados encontrados constataram que há uma relação negativa entre o suporte organizacional percebido e a exaustão do trabalhador, e uma relação positiva entre o suporte organizacional percebido e o comprometimento do trabalhador. Tais resultados evidenciam que as organizações que se preocupam com o bem-estar do funcionário contribuem para o aumento do compromisso e redução do esgotamento por ele demonstrados. Além disso, verificou-se uma relação positiva entre a exaustão e o comprometimento do trabalhador. Essa última relação foi explicada levantando-se a hipótese de que os indivíduos mais esgotados podem se apegar à organização, esperando que ela reconheça e recompense o seu esforço no futuro.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsopen accesspt_BR
dc.subjectStress ocupacionalpt_BR
dc.subjectCompromisso - éticapt_BR
dc.subjectComportamento humanopt_BR
dc.subjectTrabalhadorespt_BR
dc.subjectHigiene industrialpt_BR
dc.titleAnálise da relação entre o suporte organizacional percebido, a exaustão emocional e o comprometimento dos trabalhadores.pt_BR
dc.typeTCC-Graduaçãopt_BR
dc.rights.licenseAutorização concedida à Biblioteca Digital de TCC’s da UFOP pelo(a) autor(a) em 22/02/2018 com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho desde que sejam citados o autor e o licenciante.pt_BR
dc.contributor.refereeCeribeli, Harrison Bachionpt_BR
dc.contributor.refereePessoa, Deborah Kelly Nascimentopt_BR
dc.contributor.refereeMagalhães, Jade Antunes Simõespt_BR
dc.description.abstractenThis research aimed to analyze the influence that the perceived organizational support exerts on the level of emotional exhaustion and the organizational commitment of the workers. A survey was conducted in the cities of Mariana and Ouro Preto, State of Minas Gerais, Brazil. For the data analysis, the Structural Equation Modeling technique was used. The results showed that there is a negative relationship between perceived organizational support and worker exhaustion, and a positive relationship between perceived organizational support and worker commitment. These results show that organizations concerned with the well-being of their employees contribute to the increase of commitment and reduction of their exhaustion. In addition, a positive relationship between worker exhaustion and commitment was identified. This last relation was explained by proposing the hypothesis that the most exhausted individuals can become attached to the organization, hoping that it will recognize and reward its effort in the future.pt_BR
Appears in Collections:Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MONOGRAFIA_AnáliseSuporteOrganizacional.pdf568,25 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons