Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/1259
Title: Jornal Nacional : enquadramentos do impeachment de Dilma Rousseff.
Authors: Oliveira, Aline Vilela da Silva
metadata.dc.contributor.advisor: Rodrigues, Hila Bernadete Silva
metadata.dc.contributor.referee: Prado, Denise Figueiredo Barros do
Miranda, Júlia Lery
Rodrigues, Hila Bernadete Silva
Keywords: Democracia
Ética
Política - governo
Imprensa
Issue Date: 2018
Citation: OLIVEIRA, Aline Vilela da Silva. Jornal Nacional : enquadramentos do impeachment de Dilma Rousseff. 2018. 84 f. Monografia (Graduação em Jornalismo) - Instituto de Ciências Sociais Aplicadas, Universidade Federal de Ouro Preto, Mariana, 2018.
Abstract: Os enquadramentos trabalhados pelo Jornal Nacional, da Rede Globo de Televisão, e seus efeitos sobre a maneira como o processo de impeachment foi compreendido pelo telespectador é o tema em discussão nesse estudo. Buscou-se entender como os discursos presentes nas reportagens em torno do processo contra a então presidente Dilma Rousseff influenciaram o entendimento do público sobre a crise política enfrentada pelo país no ano de 2016. O trabalho apresenta uma análise dos enquadramentos presentes em edições específicas do Jornal Nacional durante os oito meses em que ocorreram a abertura do processo na Câmara dos Deputados a votação no Senado. Para realizar a análise, recorreu-se ao conceito de enquadramento proposto por Robert Entman, e a alguns estudos de autores como Plínio Marcos Volponi Leal, Jessé Souza e Venício Lima. A partir desses estudos, foi possível identificar a maneira como a Rede Globo de Televisão se aliou a setores conservadores da política brasileira. O trabalho também oferece um panorama histórico da relação entre a imprensa e as elites no Brasil. Os resultados encontrados demonstraram a predominância de uma abordagem negativa da figura e da atuação da ex-presidente Dilma, além de um enquadramento centrado na presunção de culpa da então chefe de Estado, mesmo antes do término do julgamento.
metadata.dc.description.abstracten: The media framings worked by Jornal Nacional, of Rede Globo de Televisão, and its effects on how the process of impeachment was understood by the viewer is the topic under discussion in this study. The idea is to understand how the speeches present in the reports about the process against the then president Dilma Rousseff influenced the understanding of the public about the political crisis faced by the country in the year of 2016. The study presents an analysis of the framings present in specific editions of the JN during the eight months in which the opening of the process in the Chamber of Deputies to vote in the Senate took place. In order to carry out the analysis, we used the concept of media framings proposed by Robert Entman, as well as some studies by authors like Plínio Marcos Volponi Leal, Jessé Souza and Venício Lima. From these studies, it was possible to identify the way Rede Globo de Televisão has allied with conservative sectors of Brazilian politics. The work also provides an historical overview of the relationship between the press and the elites in Brazil. The results showed the predominance of a negative approach to the figure and the performance of former President Dilma, as well as a framework focused on the presumption of guilt of the then head of state, even before the end of the trial.
URI: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/1259
metadata.dc.rights.license: Autorização concedida à Biblioteca Digital de TCC’s da UFOP pelo(a) autor(a) em 17/08/2018 com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação
Appears in Collections:Jornalismo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MONOGRAGIA_JornalNacionaEnquadramentos.pdf1,04 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons